segunda-feira, 20 de outubro de 2014

DilmaBATE de novo na Record

Machão veio mais manso, mas voltou a agredir: a Lingua Portuguesa



Aécio comprou vacina de cavalo como gasto de Saúde
No quarto e último bloco do debate da Record, neste domingo (19) a Presidenta Dilma fez as suas considerações finais:.
Nessas eleições 2 projetos do país estarão em jogo. Um que garantiu crescimento e igualdade pra todos e o outro que desempregou no passado.

Eu sei que ninguém é uma ilha e nem ninguém consegue crescer sozinho. Tenho certeza que o povo cresceu, pq o Brasil mudou.
.

O meu governo combateu a pobreza, aumentou salário e emprego. Pra governar é preciso olhar para todos os brasileiros, sem distinção.

Não vamos deixar que nada nesse mundo, nem crise, nem inflação e nem pessimismo tire do povo o que o povo conquistou. 

Nós estaremos juntos fazendo com que o Brasil cresça mais para que o povo cresça junto. Por isso, humildemente, peço seu voto. 
O terceiro bloco começou com a Presidenta Dilma Rousseff, que perguntou sobre Educação. Outro assunto abordado foi  infraestrutura. Os erros de português do candidato Aécio Neves ganharam destaque.
A maioria das obras estão”, disse Aécio.
Os fatos se explicam por si só” – pobre língua.


Infraestrutura:


Aécio o Sr. tem que se informar pra conhecer melhor o Brasil. Nós finalizamos a Ferrovia Norte Sul sim.

Para quem tem, de obra, só um centro administrativo em Minas Gerais o senhor está bem ousado.

Educação:


Nós democratizamos o acesso às universidades.

O ENEM é o maior processo de seleção, um exame universal.
.

Vocês nunca fizeram programas gratuitos nessa escala, são 8 milhões de matrículas.

Aécio, o meu governo considera que a educação é um dos principais fatores para combater a desigualdade social. 

Através do ENEM o estudante acessa o ProUni, o Fies e o CSF. O que o senhor (Aécio) pensa do acesso à Universidade?
Os senhores sucatearam o ensino superior no Brasil

Vocês (PSDB) foram contra o ProUni, até entraram na Justiça contra ele. Assim não é possível entender como o Sr. pode ser a favor da educação.

No segundo bloco, o candidato Machão disse que não “haverão”.
Cruz  credo, diria o Drummond!
De novo: Sobre o Pronatec: “as pessoas se matrícula”…


Segundo Bloco:


Pronatec:


Vocês proibiram o governo federal de produzir escolas técnicas e o governo do presidente Lula revogou essa proibição .  

Aécio, sabe qual é a maior prova da verdade sobre a lei q vcs aprovaram sobre as escolas técnicas? Que vocês (PSDB) só fizeram 11 em oito anos..

Nós fizemos 422. Só eu fiz 1600% a mais do que vocês.



Bancos Públicos:

Aécio, o Sr. vem cantar galo e não sabe aonde. Acho terrível quando isso acontece com uma pessoa!

Ouvi o seu Ministro da Fazenda, que o senhor (Aécio) já escolheu, dizer que diminuirá o papel dos bancos públicos.
.

Eu escutei várias falas de Armínio Fraga dizendo que não sabia o que ia ficar dos bancos públicos, caso vocês assumam  

O BB é o grande responsável pelo Plano Safra da agricultura familiar e do agronegócio 

A Caixa faz o Minha Casa Minha Vida. Uma parte inteira do programa é subsídio do governo

Não tem investimento em mobilidade urbana sem participação dos bancos públicos  

Aécio, terrorismo é o que faz Armínio Fraga, seu candidato a Ministro da Fazenda
.

Áudio: Ouça o que Armínio Fraga, que seria ministro da Fazenda num governo Aécio, disse sobre os bancos públicos:

http://www.viomundo.com.br/denuncias/o-que-arminio-fraga-que-seria-ministro-da-fazenda-num-governo-aecio-disse-sobre-os-bancos-publicos.html


Segurança Pública:


Estou propondo mudar a Constituição, pra que a União possa trabalhar com os estados no combate ao crime organizado. O que o Sr. (Aécio) propõe?

Aécio, o meu governo teve uma experiência muito exitosa, inclusive no estado de Minas Gerais com a integração das policias durante a Copa.

No caso da segurança pública, eu acho que a União tem que participar mais. Eu proponho mudar a Constituição Federal pra isso  .

Eu vou levar os Centros de Comando e Controle a todos os estados, vou integrar as polícias.  . 

Queremos combater o crime organizado. Queremos impedir que estados como Minas, por exemplo, continuem tendo índices elevados de homicídios. 


Petrobrás:

O valor da Petrobras, candidato, fique tranquilo, é um valor crescente.
Vocês diziam que o Pré-sal era uma ficção.

Vocês (PSDB), Aécio, venderam as ações da Petrobras a preço de bananas. Vocês não têm a menor moral pra falar do valor da Petrobras.


Vocês (PSDB) queriam privatizar a Petrobras e a chamavam de PetrobraX. 

Algo muito importante está acontecendo no Brasil. Vocês (PSDB) diziam que não teríamos condições de explorar o pré-sal. Erraram!

Hoje o pré-sal gera 500 mil barris por dia, algo que o Brasil levou, antes de nós, 30 anos para extrair
.

Dois pesos e 2 medidas estranhas que vocês usam, quando é feito por vocês é de vocês, qdo é feito por nós não nos pertence. 

O senhor (Aécio) disse pensar q em algum momento iria privatizar a Petrobras. Temos isso registrado. Em qual momento será? 
Na primeira parte do debate na Record,  a Presidenta Dilma Rousseff  afirmou que um conselheiro do TCU a revelou que até vacina de cavalo foi contabilizada como gasto de Saúde em Minas Gerais.

Primeiro Bloco:

Violência:

“Meu governo deu um forte apoio ao micro empreendedor individual. Nós reduzimos impostos e formalizamos esses micro e médios empresários”

“Gostaria de saber qual a opinião do senhor (Aécio) sobre a universalização do simples? “

“A nossa relação com o Simples é a mesma de quando o criamos, no governo FHC”, 
disse Aécio Neves.

“Aécio, o simples cresceu 111%. Nós universalizamos o simples esse ano. Além disso, nós beneficiamos mais de 450 mil micro empresas”Aécio pergunta sobre segurança pública:

“Aécio, eu não sei porque, mas você é muito pessimista sobre o crescimento do Brasil. É melhor o senhor rever suas contas.”

“Se compararmos o meu governo com o governo do FHC, veremos que invisto mais que o dobro em segurança pública.”

O Mapa da Violência mostra que de 2002 a 2012 houve um crescimento de 52% no número de homicídios em Minas Gerais, Aécio.

Leis trabalhistas:


Em 2001 o desemprego estava muito alto e foi aprovado um projeto de Lei que tirava os direitos da CLT.

O senhor (Aécio) acha que a flexibilização da CLT ajuda os trabalhadores?
Aécio responde que respeita todos os direitos trabalhistas e vai “rever o fator previdenciário”
Aécio, eu vou refrescar a sua memória: em 2001, estava extremamente elevado o desemprego no Brasil.

Petista lembra de projeto de lei aprovado na Câmara, quando Aécio era seu presidente, que tirava direitos da CLT por acordos. 

Seu partido (PSDB) colocou na pauta a flexibilização da CLT. Por isso não acredito que o Sr. não tenha feito essa votação. 

Quando Lula foi eleito, ele enterrou esse projeto de flexibilização da CLT, Aécio.

Inflação:


O senhor (Aécio), jamais vai tirar do meu governo o mérito de que temos a menor taxa de desemprego da história, 5%. Esses são dados oficiais

Vocês (PSDB) jogam pelo quanto pior, melhor. A inflação está controlada sim. .

Considero muito grave a proposta de vocês (PSDB) de taxa de inflação a 3%, pois ela levará ao que já sabemos: desemprego e arrocho salarial. 

Há flutuações, mas os preços voltarão ao normal.

Vocês sempre gostaram de plantar inflação para colher juros. Não lave suas mãos, vocês governaram sim. 

O Brasil saiu do Mapa da Fome, que significa um grande ganho para nós, que é o reconhecimento da ONU a esse respeito. .

Inclusive, Aécio, quero fazer uma correção: não foram vocês (PSDB) que criaram o Plano Real, foi o Itamar Franco.
Petrobras:

Aécio pergunta sobre a Petrobras e Dilma lembra que o ex-presidente do PSDB, Sergio Guerra, foi citado em depoimento.

Aécio, você confia em todos aqueles do seu partido que a mesma fonte diz que receberam recursos para barrar CPI? 

Eu sei que houve desvio de dinheiro, mas o que ninguémm sabe é quanto e quem 

Você não pode me responder onde estão os corruptos da Pasta Rosa, da compra da reeleição, do metrô. Todos soltos.

Eu sou a favor da punição, doa a quem doer. E não faço engavetamentos sistemáticos, como era feito antes.

Vocês jamais investigaram: Sivam, Pasta Rosa, Metros e Trens, Privataria. Por que vocês não investigaram nenhum desses processos?

Aécio, o senhor adora fazer confusões que o beneficiam. Eu fui do Conselho da Petrobras até 2010 e fui em que demiti o Paulo Roberto, viu?

Eu nunca impedi investigação nenhuma. Agora vocês (PSDB) impediram. Vcs arquivaram 217 acusações. 



Saúde Pública:
Apesar de vocês terem votado contra a CPMF, aumentamos o investimento em saúde..

O Ministério Público entrou sexta-feira passada contra o governo de Minas. Você falou no debate anterior que eu estava mentindo, mas falei a verdade.

Vocês não investiram o mínimo necessário em saúde em MG, por isso tiveram que assinar um Termo de Ajustamento de Gestão

Um conselheiro do TCU – MG disse que é “difícil engolir que vacina para cavalo seja contabilizada como gasto pra saúde



Aécio Neves fala sobre helicóptero da cocaína Em entrevista, Aécio Neves explica como vai lidar com ataques pessoais feitos em época de campanha, como por exemplo a associação de seu nome ao helicóptero de Perrella. Aécio Neves se defende das acusações sobre o uso de cocaína Aécio Neves TENTA se defende das acusações sobre o uso de cocaína

Enquanto Governador, Aécio Neves teria sido levado a hospital com suspeita de overdose de cocaina


aécio cheirado

Corre nos bastidores da imprensa mineira, que tem absoluto pavor de tocar publicamente no assunto, que, no período em que exercia o cargo de Governador de Minas Gerais, o atual candidato a presidência pelo PSDB, Aécio Neves, teria sido levado em segredo, diversas vezes, em situação deplorável, ao Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte.
Numa delas, segundo jornalista mineiro do “Estado de Minas”, que fez a matéria (foto), mas foi proibido por seus chefes de publicá-la, com suspeita de overdose de cocaína.
Pelo menos é o que teria lhe garantido um oficial do serviço reservado da PM-MG, que, apesar de relatar o ocorrido à Coordenadoria Antidrogas do Estado, que investigava, com alguma morosidade, as quadrilhas de traficantes locais, nunca mais obteve informações sobre o destino – e apuração- de seu relatório.
Aécio que já foi flagrado, publicamente, pelo blog do Juca, batendo em sua “companheira” num restaurante, teve outros vexames notórios ao longo de sua carreira política, incompatíveis com o comportamento de um futuro presidente da República, mas, justificáveis se confirmada a informação de sua dependência química.
http://blogdojuca.uol.com.br/2009/11/covardia-de-aecio-neves/

Vitória do PT em Minas Gerais é histórica, diz Miriam Leitão

A maior alegria do PT é a vitória em Minas Gerais, reduto de Aécio Neves.

Em São Paulo, Geraldo Alckmin, do PSDB, foi mais uma vez eleito.


Miriam Leitão:
O eleitor sempre distribui alegrias e tristezas pelos partidos. Vamos falar das alegrias.
A maior alegria do PT é a vitória em Minas Gerais, com Fernando Pimentel, eleito no primeiro turno, exatamente no reduto de Aécio Neves. Dilma Rousseff na frente de Aécio Neves em Minas Gerais.
Mas apesar disso, o Aécio Neves conseguiu eleger o PSDB, o Anastasia para o Senado. Mas essa vitória em Minas Gerais é histórica, importantíssima para o PT. É o segundo maior colégio eleitoral.
E a maior vitória do PSDB é São Paulo, onde Aécio Neves ficou na frente de Dilma. O Geraldo Alckmin mais uma vez eleito. São 24 anos dos tucanos, do PSDB, em São Paulo. Além disso, elegeu com 11 milhões de votos o senador José Serra.
O PSB tem o maior percentual. O Paulo Câmara teve o maior percentual de votos. Então, o PSB teve uma vitória em Pernambuco inquestionável, importantíssima na terra de Eduardo Campos.
E o PC do B tem a comemorar a vitória no Maranhão, o primeiro governador e na terra de Sarney. Então, isso é para falar de algumas vitórias, mas essas são algumas vitórias a se destacar.
Alexandre Garcia:
No Senado, houve pouca a mudança. O PTB perdeu senadores, o PSB ganhou e aí assumiu oposto de quinta força no Senado no lugar do PTB. As demais bancadas importantes permaneceram com poucas modificações.
A gente tem que registrar que as urnas tiraram do Senado figuras como Pedro Simon, do Rio Grande do Sul, e Eduardo Suplicy, de São Paulo.
Já na Câmara, o PT perdeu 18 cadeiras, o PMDB perdeu seis, o PSDB ganhou nove, e o PSB, na campanha de Marina e Eduardo Campos, ganhou dez cadeiras.
Agora, a gente tem que esperar o resultado do segundo turno para presidente da República para saber quem será oposição e quem será governo na Câmara e no Senado.

Fernando Pimentel é eleito governador de Minas Gerais no 1º turno....


Portal EBC05.10.2014 - 20h12 | Atualizado em 05.10.2014 - 23h05
Fernando Pimentel (PT), da coligação “Minas para Você”, foi eleito governador de Minas Gerais. Pimentel registrou 5.362.870 votos, o que representa 52,98% dos votos válidos. Em segundo lugar ficou Pimenta da Veiga (PSDB) com 41,89% dos votos válidos (4.240.706). Os votos brancos somam 8,57% e os nulos 8,36%.
Com 15,25 milhões de eleitores, conforme dados de junho deste ano do Tribunal Superior Eleitoral, Minas Gerais é o segundo maior colégio eleitoral do país – o eleitorado na unidade da federação representa 10,6% do total nacional de votantes e fica atrás apenas de São Paulo.
Tarcísio Delgado (PSB) somou 3,90% dos votos (395.039); Fidélis Oliveira Alcântara (PSOL), obteve 0,67% dos votos (67.785); Tulio Lopes (PCB), 0,26% dos votos (26.023); Eduardo Ferreira (PSDC), 0,23% dos votos (23.017); e Cleide Donária (PCO), 0,07% dos votos (7.590) .
Para o Senado, foi eleito o ex-governador Antonio Anastasia (PSDB) com 56,73%, seguido de Josué Alencar (PMDB) com 40,18% e Margarida Vieira 2,14%.
Perfil do eleito
Fernando Pimentel (PT): Economista e cientista político, aos 63 anos, foi prefeito de Belo Horizonte entre 2003 e 2008, e ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior de janeiro de 2011 a fevereiro deste ano. A candidatura de Pimentel tem apoio da coligação “Minas para Você”, que reúne PT / PMDB / PC do B / PROS / PRB. Como vice, apresenta o deputado Antônio Andrade (PMDB).
  • Direitos autorais: Creative Commons - CC BY 3.0

Fernando Pimentel faz campanha pró- Dilma e ataca PSDB em Valadares

Governador eleito em Minas agradeceu votação que obteve na cidade.

Pimentel aproveitou para fazer campanha para a candidata Dilma Rousseff.

Diego Souza

Do G1 Vales de Minas Gerais

Fernando Pimentel estava acompanhado de diversas lideranças políticas entre elas a prefeita Elisa Costa e o deputado Leonardo Monteiro. (Foto: Diego Souza/G1)Fernando Pimentel estava acompanhado de diversas lideranças políticas entre elas a prefeita Elisa Costa e o deputado Leonardo Monteiro. (Foto: Diego Souza/G1)
O governador eleito em Minas Gerais Fernando Pimentel (PT) esteve em Governador Valadares, no Leste de Minas Gerais, na manhã desta segunda-feira (20). Pimentel fez campanha para a candidata à reeleição, a presidência Dilma Roussesf, e atacou o PSDB, partido que derrotou nas eleições para governador, e do candidato a presidência, Aécio Neves.
Durante coletiva de imprensa, no Centro da cidade, Pimentel comentou sobre o tom mais duro entre os dois candidatos a presidência, especialmente nos debates, e disse que também foi vítima de “uma campanha de baixo nível” por parte do PSDB, em Minas Gerais.
“O debate num determinado momento foi para um caminho que não interessa para a população, um caminho de ofensas. Eles [PSDB] tentaram fazer isso aqui também, agora já passou e eu não guardo mágoas, mas os meus adversários do PSDB fizeram uma campanha pesada, de nível muito baixo em relação a mim. Mas nós ganhamos, o que mostrou que o povo mineiro repudiou isso que eles estão tentando fazer em nível nacional”, disse Pimentel.
Fernando Pimentel destacou que o objetivo da sua visita a Governador Valadares era agradecer a votação que ele e a presidente Dilma Rousseff obtiveram na cidade e região, além de renovar os compromissos firmados por meio de convênios com o Governo Federal.
“Viemos para fazer esse agradecimento, agora como governador eleito, e para ressaltar a importância da presidenta Dilma, além da manutenção e a renovação dos compromissos com esta região. O compromisso nosso é manter tudo do jeito que já combinamos, inclusive já começamos a duplicação da BR-381. As obras do Hospital Regional estão muito lentas e a nossa intenção é agilizar e antecipar o prazo de conclusão, previsto para 2016”, afirmou.
Fernando Pimentel ao lado do deputado federal Leonardo Monteiro em Valadares. (Foto: Diego Souza/G1)Fernando Pimentel ao lado do deputado federal
Leonardo Monteiro em GV. (Foto: Diego Souza/G1)
Contradição
Ao ser questionado se não achava contráditório o fato de pedir mudança no Governo do Estado e defender a manutenção do Governo Federal,Fernando Pimentel voltou a atacar o PSDB.
“O problema não é o tempo de 8, 12, 16 ou 20 anos que se fica no governo. O que a população quer saber é se houve entrega, resultado do que foi feito. Nos 12 anos do governo do PSDB em Minas não houve melhorias na saúde, na educação, em nada daquilo que era de sua responsabilidade, pelo contrário, piorou, tanto que a população quis a mudança e eu ganhei a eleição. Já o Brasil foi o oposto, nenhum adversário é capaz de dizer que o Brasil não mudou, para melhor, nos últimos 12 anos”, declarou Fernando Pimentel.
O governador eleito aproveitou para falar novamente sobre o irmão da presidente Dilma, Igor Rousseff. Durante debate na TV, Aécio afirmou que o irmão dela havia sido contratado por Pimentel, que foi prefeito de Belo Horizonte entre 2002 e 2009, como funcionário fantasma, e que recebia salário da Prefeitura da capital mineira “para não fazer nada”.
“Foram afirmativas caluniosas ao irmão da presidenta, um funcionário correto, homem de bem e que todos sempre só tivemos elogios enquanto trabalhou na prefeitura. Mas o que o povo quer saber de verdade nesta campanha é quem tem melhor condição de governar o Brasil em benefício da população e não em benefício dos banqueiros, dos investidores internacionais, daqueles que ganham dinheiro sem trabalhar”.
Armínio Fraga
O ex-ministro da Fazenda durante a gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardosotambém foi citado por Fernando Pimentel. O governador eleito criticou a possível escolha deArmínio Fraga pa
ra a pasta, em caso de vitória do candidato Aécio Neves. “O lado de lá já nomeou até o Ministro da Fazenda, um conhecido investidor que foi ministro do FHC, que é o Armínio Fraga. Ele tem a receita pronta para fazer aumentar os juros, o capital externo e provocar a recessão e o desemprego dos trabalhadores”.
Por fim, Pimentel revelou que havia trazido um recado especial de Dilma Rousseff afirmando que a vitória sairá de Minas Gerais. “Conversei com a presidenta pela manhã e ela pediu que eu dissesse ao povo mineiro que confia no Estado, e que será daqui que sairá a vitória dela”, finalizou.


Homem é morto com facadas no pescoço em um bar de Teófilo Otoni

Amigo da vítima também foi atingido com facadas durante uma briga.

Suspeito do crime teria usado uma faca peixeira e estaria embriagado.

Do G1 Vales Minas Gerais


Um homem de 59 anos morreu e outro, de 56, ficou ferido próximo a um bar, nesse domingo (19), na Avenida João XXIII, em Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, em Minas Gerais. De acordo com o Boletim de Ocorrências, o suspeito do crime, de 42 anos, usou uma faca ''peixeira'' durante uma briga com as vítimas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o homem de 59 anos tinha várias perfurações, sendo todas no pescoço; ele foi encaminhado ao Pronto Atendimento Municipal, mas não resistiu e morreu ao dar entrada na unidade. A outra vítima, de 56 anos, teve dois ferimentos, um no tórax e outro no ombro esquerdo.
O homem ferido contou aos militares que foi atingido quando tentava defender a outra vítima. Segundo a PM, o suspeito do crime, de 42 anos, apresentava sinais de embriaguez e foi encaminhado para a Delegacia de Teófilo Otoni. Os motivos da briga são desconhecidos. 

IML de Teófilo Otoni já realizou mais de dois mil laudos em 2014

Até o final de setembro, foi registrado um aumento de aproximadamente 15% no número de laudos mensais. Os trabalhos do IML de Teófilo Otoni abrangem 21 cidades.

IML de Teófilo Otoni já realizou mais de dois mil laudos em 2014


 Instituto Médico Legal de Teófilo Otoni, um dos setores da Polícia Civil, chegou a marca de 2000 laudos realizados até o dia 30 de setembro. São exames de vários tipos, como: lesão corporal, conjunção carnal, verificação de embriaguez, constatação de necessidades especiais para fins de concessão de passe livre em transporte coletivo (atendendo requisição do Ministério Público), exames de aborto, coleta de material para DNA, e os mais realizados que são as necropsias e exumações de cadáver, além dos exames indiretos, que são requisitados pelo delegado, quando o contato com vítimas atendidas em hospitais é perdido.
Os trabalhos do IML abrangem 21 cidades da Regional de Teófilo Otoni, mas também muitas vezes as equipes cooperam com outras regiões, como Nanuque. A equipe é composta por 5 médicos legistas, 2 investigadores, servidores administrativos. Uma equipe multidisciplinar para atender à demanda que é bastante expressiva na região. Para o Delegado Regional, Dr. Vinícius Sampaio, a equipe pode ser definida como guerreira, porque esses profissionais lidam no dia a dia com trabalhos que envolvem exumações, acidentes, homicídios, enfrentam estradas, e outras situações bastante delicadas.
“É um trabalho muito espinhoso e diferenciado, porque muitas vezes é feito durante as madrugadas, o que requer uma atenção muito grande dos profissionais que trabalham nessas áreas, para que possam dar uma resposta, para buscarmos uma prova pericial qualificada, e, em horários dos mais variados”, explicou Sampaio, afirmando que esse trabalho que não se interrompe, dura 24 horas. “Nós temos uma malha rodoviária extensa, que ocorre acidentes, e o IML está sempre atento, juntamente com a perícia criminal para atender essas demandas de toda a região”, concluiu o delegado.
No ano passado, foram feitos 2313 laudos durante todo o ano, uma média de 192 por mês, e este ano são 2000 laudos até o momento, uma média de 222 laudos por mês, ou seja, houve um aumento significativo de produtividade do IML, um aumento de aproximadamente 32 laudos por mês.

Equipe

Legistas: Marcelo Lopes Tomich, Dênio José Joares, Camilo Frizzera Borges, Gustavo Franco Merian, Júlio César Campos e Samir Sagih El Aouar.
Odontolegista: Almir Vieira Batista
Legista Licenciado: Ademir Camilo Prates Rodrigues
Investigadores de Polícia: Amilton Ferreira dos Santos e Francis Manoel Costa
Assistente Técnico: Francisco Couy Rodrigues
Auxiliares Administrativos: Edhy Souza e Sandra Ferreira dos Santos


Equipe do IML de Teófilo Otoni – Fotos: Reprodução/IML
(Fonte: Diário do Mucuri)
- See more at: http://aconteceunovale.com.br/portal/?p=42571#sthash.B6Wq3rYO.dpuf



Veja outras matérias no site...ABAIXO